Vento

Ando muito abalado, pendente, não firmado

Como se algo muito maior que eu
Pudesse me derrubar...
Uma rajada de vento
Entre as aletas da veneziana;
Um expiro das minhas narinas

Outro das suas, Gemini

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Rafael Geremias