Dos sentimentais desencontros ou poemas para se quebrar a fantasia


Diante
de
quais
espelhos
revelastes
tua beleza?
E quantos, 
não quais, 
viram-te chorar?

Um comentário:

  1. Meu Lindo, você já chorou na frente do espelho.
    Ao ler teu texto parei pra lembrar que das vezes que senti dores que não aguentava, me olhava no espelho para vez as lágrima descer.
    Era como se eu sentisse a necessidade visual de saber como eu sofria. De olhar meus olhos mais tristes, de ver meu rosto vermelho, de achar que (do nada) eu estava numa cena de filme romântico onde a mocinha chora desesperada por algo acabou.
    Talvez haja algum tipo de consolo no espelho.

    Beijos, SEU LINDO!

    ResponderExcluir

Rafael Geremias