Transladar

Transporte.

É entre o ir e vir e continuar em outra condição.

Partir é fundamental.
Deixar um arquivo morto,
um portfólio do que já fui.

É quando já não quero nada
mesmo sendo o nada
e sua contraposição do tudo.

Aqui

não cabe nada do que eu não seja hoje.
Poderão vir batidas na porta de amores que um dia se foram.
Hoje sou eu quem parto,
hoje sou eu quem vago.
pois há uma correria pelos corpos
nos quais não comportam datas
ou promessas responsáveis.

Experimento.
Permito-me ao novo
mesmo temendo e denunciando
no semblante da boca,
o medo.

Anuncio
-Partir é fundamental.
Queimar as fotos e mudar de hábitos
embranquecer o luto
e deixar senão o esquecimento do ontem.

4 comentários:

  1. ...
    -sim, continuar é preciso. Seguir adiante, mesmo sem saber para onde, mesmo sem saber a direção.
    Fazes bem em persistir e mudar.
    E confesso, coincidentemente, hoje eu também parto, sem direção ou rumo, pois quando não se sabe para onde ir, todos os lugares nos servem. Que venha o novo então.

    ademais, o obrigado pelo comentário, e realmente, tu entendeste como ninguém, o significado daquelas palavras de areia...

    Segues bem, amigo.

    ResponderExcluir
  2. "ficarei só, como os veleiros nos pontos distantes"

    "Um barco a vela atracado em penhascos. Debruçado em desfiladeiros. Deslocado. Desviado. Meu caminho se apagou e eu me entrego pra onde o vento me levar."

    a primeira de vinicius de moraes, a segunda minha.

    gostei

    ResponderExcluir
  3. Qualquer argonauta diz resolutamente:
    -Navegar é preciso....viver não é preciso!
    (E Chico e Caetano vivem eternamente cantando)

    ...e lá do alto das nuvens, do Olimpo da arte cinéfila, Fellini sussurra:
    - E la nave va....

    ResponderExcluir

Rafael Geremias